2016/02/16

Curso de Violão e Guitarra - Estudando acordes com pestana

http://www.artmaiashop.com

Acordes com pestana são formas móveis, não contém cordas soltas, e podem ser tocados em qualquer lugar no braço do instrumento. Eles também são mais difíceis de tocar, pois o dedo indicador aplica uma pressão constante sobre cinco ou seis cordas. No entanto, uma vez que você domine essas posições, vai se sentir um guitarrista ou violonista profissional, e acordes como Bb e F# não vão mais derrotar você.
Acordes com pestana são geralmente mais fáceis de executar mais acima no braço; pratique-os onde seus dedos se sentirem mais confortáveis no início (a quinta casa é um bom ponto para começar). Por fim, não desanime se esses acordes não funcionarem imediatamente. Todo mundo acha essas posições complicadas, mas vai ser difícil conseguir que todas as cordas soem limpas e corretas antes que você adquira força nos dedos de sua mão esquerda.
http://www.artmaiashop.com

DICA

Praticar com freqüência em períodos curtos é a melhor maneira de construir a sua técnica. Então, enquanto você estiver assistindo TV, você pode praticar alguns acordes com pestana durante os intervalos comerciais, por exemplo.



A Formação dos acordes (Parte 01)

http://www.artmaiashop.com

A música tocada no violão e na guitarra é amplamente baseada em acordes e progressões de acordes. Enquanto existem muitos acordes diferentes, alguns com nomes extremamente exóticos, a definição exata de acorde é simples: são três ou mais notas diferentes tocadas juntas. Mas, você às vezes irá encontrar “acordes” reduzidos, em que uma das três notas é omitida, essas combinações de duas notas podem manter a maior parte das características do acorde.
Os acordes são derivados das escalas utilizando o princípio de “amontoar as terças”. Isso significa que o acorde é feito escolhendo a escala maior e selecionando quaisquer três notas alternadas daquela escala. Os acordes derivados de qualquer escala são chamados de campo harmônico: os acordes resultantes, que podem ser maiores (felizes) ou menores (melancólicos), irão parecer “certos” quando tocados juntos em progressão.