2008/07/30


USANDO ESCALAS
Quer melhorar a sua digitação? Quer melhorar os seus solos? Se quer, você provalvelmente terá que praticar as escalas. Isto pode soar muito chato, mas praticando escalas você se tornará um bom guitarrista.Ela melhorará sua digitação, dará a você um melhor senso de tempo e o ajudará a entender os fundamentos da música.

Abaixo a mais básica escala de todas:Pentatônica A menor.

---------------------------------------5--8-----
--------------------------------5--8------------
-------------------------5--7-------------------
------------------5--7--------------------------
----------5--7----------------------------------
5--8-------------------------------------------

Esta escala pode ser ouvida em todos os tipos de música, especialmente Blues e Rock. Quando tocar esta escala (ou qualquer outra), use alternar o movimento da palheta, tocando cada nota igualmente. Uma vez que voce tocou a escala, toque a de trás para frente, movimente a escala para cima e para baixo no braço da guitarra, Agora , use bends, pull offs, hammer-ons e slides na escala. Esses exercícios irão ajudá-lo a aprender técnicas para solar. Abaixo exemplos de exercícios:

Este exemplo usa pull offs usando a escala Pentatonica:(ao modo AC/DC's Back in Black)

---3p0---------------------3p0--------------------
-----------3p0-----------------------3p0------------
--------------------2p0----------------------2p0----
----------------------------------------------------
----------------------------------------------------
----------------------------------------------------

Aqui outro exemplo com bend na casa 7 na corda G subindo uma nota inteira, então deixe as próximas 2 notas soarem.

--------------5-----------------5-----
---------5----------------5----------
---7b/------------7b/-----------------
-------------------------------------
-------------------------------------
--------------------------------------
Esses são apenas 2 exemplos com escalas pentatônicas, invente as suas próprias, então incorpore todas juntas para seus próprios solos.

Nenhum comentário: